Isolamento Acústico

Como funciona o isolamento acústico? Entenda um pouco mais sobre essa técnica

Isolar acusticamente um ambiente é a capacidade de não deixar o barulho entrar e sair de um determinado lugar. O isolamento acontece pelas propriedades de alguns materiais ao bloquear sons e ruídos ao passar de um cômodo para outro.

Para isolar acusticamente um ambiente, geralmente são criadas barreiras, como paredes, divisórias, portas e janelas. Esses elementos para um bom isolamento acústico devem apresentar maior peso ou massa.

Isolar- se de vozes, trânsito, aviões, construções, fábricas ou música, é tudo que uma pessoa pode desejar depois de ter um longo dia de trabalho e, algumas vezes, isso não é possível. Sem dúvidas, o isolamento acústico garante conforto e melhor qualidade de vida.

O que é o som?

Para entender melhor como funciona o isolamento acústico e suas atribuições aplicáveis ao nosso cotidiano, vamos voltar às aulas de física e apresentar as propriedades físicas do som.

O som deve ser caracterizado como um fenômeno vibratório. Ele é resultado das variações da pressão do ar que acontecem em torno da pressão atmosférica e se propaga longitudinalmente, numa velocidade de 344 metros por segundo.

Legenda: Fones de ouvido são um bom exemplo para entendermos o que é e como funciona o isolamento acústico.

Tudo que causa ondas de pressão no ar pode ser considerado como uma fonte sonora, pode ser um celular em modo vibracall, uma explosão, uma pessoa cantando ou até mesmo o bater de asas de uma abelha produz ondas sonoras.

O que é ruído de impacto?

Se você mora em um apartamento, deve ser usual ouvir os passos do vizinho que mora logo acima. Esse tipo de barulho é caracterizado como um ruído de impacto, ele é transmitido via estrutura, isso significa que, a vibração caminha pelas paredes e teto até chegar a você como receptor.

Para esse tipo de ruído é necessário implementar um sistema de amortecimento, com pisos flutuantes, assim, evita-se o impacto direto no chão e a viagem do ruído tem seu alcance diminuído.

Outra opção não tão eficiente mas que, ainda assim, pode ser considerada, é a implementação de forros no seu apartamento. Eles conseguem diminuir uma parte do ruído que vem do teto, só que é uma pena que ainda exista a propagação do som transmitida pelas paredes.

Quais são as características físicas do som?

Essencialmente, todo o som tem três características que são variáveis fisicamente falando. São elas:

  • Frequência;
  • Intensidade;
  • Timbre.

Como acontece a propagação do som?

Vamos falar agora do princípio da física que explica sobre a propagação do som.

O primeiro é o princípio de Huygens-Fresnel. Ele diz que a propagação do som começa na sua fonte geradora e se espalha em todas as direções.

Nesse princípio as moléculas de ar têm uma vibração longitudinal, a oscilação é transmitida de uma molécula para outra até o momento que chega aos nossos ouvidos.

Em resumo, cada molécula de ar vibra e passa a vibração para a vizinha que por sua vez vira uma nova fonte sonora.

Como acontece a propagação do som quando existem obstáculos?

O som se propaga de forma diferente quando existem obstáculos. Ao colocarmos uma superfície na passagem de uma onda sonora, ela tem a tendência de se dividir em diversas partes, são eles:

  1. Quantidade refletida:

Quando uma onda sonora se propaga no ar e encontra uma barreira, como uma superfície sólida, que é um obstáculo à sua propagação, aqui aplica-se a Lei de Reflexão Ótica. Quanto mais duro for o material que constitui a barreira, maior será o índice de reflexão da onda sonora.

Sabemos que paredes revestidas com mármores, azulejos, porcelanatos e vidros podem refletir até 100% do som que sobrevém. Podemos ver esse fenômeno quando não existe um planejamento relacionado ao aprimoramento da acústica. Não é incomum presenciar igrejas, salões e clubes com esses fenômenos físicos.

  1. Quantidade absorvida:

A propriedade de absorção se dá porque alguns materiais não permitem que o som reflita por uma superfície. São os materiais com essa propriedade que utilizamos no isolamento acústico, esses materiais são muito importantes no planejamento e execução de ambientes acusticamente agradáveis.

No Brasil existe uma norma que especifica como deve ser o cuidado acústico aplicado aos ambientes internos. A norma 101 fala que a dissipação de energia sonora dada com o uso de materiais que a absorvem depende principalmente da frequência do som. O que acontece é que a dissipação sonora é grande para altas frequências e seus valores vão caindo para baixas frequências.

  1. Quantidade transmitida ( que atravessa a superfície)

É a propriedade que nos alcança depois das quantidades refletidas e absorvidas acontecerem. A transmissão é a etapa final da propagação do som. No final é tudo o que chega aos nossos ouvidos.

Algumas dicas para ter maior conforto acústico em casa

  1. Use móveis de madeira

Você pode tentar absorver uma parte dos ruídos com a escolha de móveis de madeira maciça. Móveis assim têm uma capacidade de absorção de ruído muito maior que de outros materiais.

2) Cortinas ajudam a reduzir os ruídos

Se você tem problemas com os ruídos que atravessam a sua janela, existem cortinas que reduzem o ruído, absorvem o som interno e ajudam a bloquear o ruído externo.

Elas podem ser compradas pela Amazon por um valor bem acessível.

Mas não se empolgue ainda, deixe as expectativas baixas pois elas não farão um excelente trabalho ao manter todos os ruídos do lado de fora da sua casa.

Essa medida pode ser tratada apenas como paliativa enquanto boas alternativas conjuntas de isolamento acústico podem ser pensadas.

3) Use almofadas, mantas e tapetes

Objetos que têm superfícies macias absorvem melhor as ondas sonoras do que superfícies duras fariam. A ideia é ter por toda a casa elementos que apresentem superfícies mais suaves, pois com elas é possível diminuir o ruído sonoro nos cômodos da sua casa.

O que é ter conforto acústico?

Estar confortável é realizar o mínimo de esforço fisiológico possível ao realizar tarefas. Esse conforto está relacionado a muitos fatores como: som, luz, calor, ventilação, mobilidade, mobiliário e umidade.

Estar em um ambiente confortável é quando todas as necessidades de um indivíduo são atendidas e ele consegue realizar as suas tarefas da forma mais tranquila e harmoniosa possível.

legenda: Viver em um ambiente confortável e também pensar na acústica desse lugar.

Por que a capacidade de absorção varia tanto? Essa pergunta é fácil de se responder. A capacidade de absorção de som é quando um determinado material pode dissipar a energia sonora que incide contra ele. Um mesmo material pode dissipar ou eliminar os barulhos, depende muito de como ele é disposto em um determinado ambiente.

As escolhas dos diversos materiais usados para realizar o isolamento acústico deve levar em conta alguns fatores como a taxa de ocupação de um ambiente, a quantidade de manutenção que é dada a ele, a durabilidade dos materiais, a estabilidade deles e o mais importante com relação a segurança, a resistência ao fogo.

Absolutamente tudo tem propriedades acústicas

Tudo desde objetos que criamos, passando por elementos naturais até o nosso próprio corpo, tem propriedades acústicas. Uns apresentam maior capacidade de absorção do som que outros, pois ela varia bastante de acordo com a função e o material.

Como não incomodar os vizinhos?

Se você é músico já deve ter pensado várias vezes em criar um pequeno estúdio, com isolamento acústico, na sua casa.

Essa é provavelmente uma das grandes felicidades da maioria dos artistas que trabalham com áudio.

Para construir pequenos estúdios nada melhor que conhecer os melhores do mundo e entender como se dá o isolamento acústico mas também a decoração, o design de interiores e a atmosfera quase mística por trás de alguns.

Listamos os mais famosos do mundo para que você possa ter boas referências e insights. Os créditos vão para o Hypeness que já tinha preparado essa lista, e você pode conferir ela completa dando uma passadinha no link deles.

1. Companhia de Gravação Avast! – Seattle

O estúdio fica em Seattle, cidade que é berço do grunge, tendo como seus expoentes bandas como Nirvana e Soundgarden. Uma atmosfera incrível cobre toda a cidade e também esse estúdio.

2. Sunset Sound – Los Angeles

Alguns discos discos de ouro e platina foram gravados nesse estúdio. Já passaram por lá Elton John, Led Zeppelin, Prince, Beach Boys e Rolling Stones. Artistas que deixaram sua marca histórica no local.

3. Studios 301 – Sydney

Um dos mais antigos e longevos estúdios do hemisfério sul, eles já lançaram álbuns de bandas como INXS, Duran Duran, Silverchair, Lady Gaga e Bruce Springsteen.

4. Abbey Road Studios – Londres

No Abbey Road Studios foram lançados alguns dos álbuns de pop e rock mais influentes do último século, incluindo de bandas como The Beatles, Pink Floyd e Oasis.

5. Stankonia – Atlanta

Já teve vários nomes ao longo de sua história como Soundscape e Bosstown. Nesse estúdio foram gravados os melhores álbuns de R&B dos anos 90. Seu nome atual apareceu nos anos 90.

6. Toca do Bandido – Rio de Janeiro

Estúdio que fica no Rio de Janeiro já recebeu diversas nomeações e prêmios Grammy. Vários dos nossos maiores artistas já passaram por lá, entre eles estão Maria Rita, Adriana Calcanhotto, O Rappa e Érika Martins.

7. Tuff Gong – Kingston

Este estúdio foi criado por Bob Marley, não precisamos falar mais nada.

Dizem que o nome do estúdio foi um apelido de infância do cantor de reggae. Hoje, Tuff Gong também é um museu em homenagem ao seu criador. Esse é um dos maiores estúdios do Caribe.

Tenha seu próprio estúdio em casa

Muitos músicos falam em ter um estúdio musical dentro de suas próprias casas. Mas temos que entender que é necessário que esse lugar seja bem planejado para que não ocorra nenhum tipo de problema com relação ao som. Mais do que controlar o escape de barulho para o lado de fora, um bom estúdio deve apresentar algumas características no seu controle acústico. FIzemos uma lista com os principais pontos discutidos quando se vai construir um estúdio de gravação, assim você pode reproduzi-lo na sua casa. São eles:

  • Clareza do discurso musical: é necessário entender claramente o grau em que as notas musicais são separadas através do tempo e como são ouvidas;
  • Reverberação: entender quanto tempo o som consegue persistir no espaço. Isso ajuda os músicos a terem uma noção melhor do tempo em que o som fica no espaço depois de a fonte emissora ter parado;
  • Equilíbrio tímbrico: está relacionado com os níveis referentes às frequências graves e agudas;
  • Ruído Exterior: tráfego, buzinas, animais, pessoas conversando, tudo o que pode ser escutado, só que a origem não é o mesmo local;
  • Intensidade do Som: a intensidade é o que popularmente chamamos de volume, quanto maior for a intensidade, maior a quantidade de decibéis e mais alto consideramos aquele som;
  • Eco: caracterizado pelas reflexões atrasadas de um som emitido por fontes audíveis. Cômodos com eco geralmente têm tetos e ou paredes com características muito refletoras (azulejo, porcelanato, granito);
  • Envolvimento: aqui começamos a trazer em pauta os sentimentos que a música provoca. O envolvimento é o sentimento de estar imerso ou rodeado pelo som. Isso contribui bastante na maneira que o som se distribui e reverbera no espaço. No momento em que existe um ótimo envolvimento, o ouvinte tem a percepção de que o som chega de todos os lados no seu ouvido e com a mesma energia sonora. Quando existem vários músicos em uma sala com isolamento acústico, é importante que aconteça envolvimento para que a música flua, ou seja, todos precisam se ouvir.
  • Geral: a impressão causada nos músicos e ouvintes com relação à qualidade acústica sentida quando se reproduz uma música.

Para concluir

Tendo em conta todos os aspectos aqui discutidos, além de nossas percepções e experiências pessoais, podemos concluir que o isolamento acústico garante o conforto e a privacidade. Uma das melhores opções é poder escolher por ambientes que são projetados pensando na melhor acústica. Todos nós queremos conforto acústico e isso é possível quando pensamos e planejamos nossas casas para isso. Se você quiser saber mais sobre este assunto, entra em contato com a gente, a Frames Janelas Acústicas vai adorar te atender.

Postado em 08/08/19

Chat pelo WhatsApp
Enviar