Ruídos altos realmente incomodam. Em apartamentos, frequentemente, eles são motivo de discussões. Em casas térreas, isso também acontece. O barulho vindo de fora pode gerar grandes transtornos em uma residência, atrapalhando a comunicação oral entre os moradores, impedindo de assistir à televisão ou de ouvir o rádio e assim por diante.

Para combater esse problema, existem algumas formas, como fechar as portas e janelas, colocar a televisão e o aparelho de som em cômodos mais reservados, forrar a casa e outras estratégias.

A finalidade do sistema antirruído é justamente esta: reduzir ao máximo ou impedir totalmente a passagem dos ruídos externos para a parte interna da residência, ou de uma parte interna para outra dentro de um imóvel. Saiba mais sobre esse sistema, lendo o artigo!

Os tipos de ruídos

Há basicamente dois ruídos que afetam nas edificações: o de impacto e o aéreo. O ruído de impacto é resultado de um choque entre um objeto e outro ou entre um objeto e uma estrutura rígida. Por exemplo, um armário sendo arrastado pelo piso, um sapato de salto em contato com o chão e assim por diante.

O ruído aéreo é causado pela movimentação das moléculas do ar devido ao deslocamento de algum objeto ou à emissão da voz humana, ou animal. Por exemplo, a membrana de um alto-falante, a corda de algum instrumento musical e outras coisas.

A vedação de portas e janelas

Para diminuir a reverberação dos sons é fundamental investir na boa qualidade das esquadrias que cercam os vãos de uma janela ou de uma porta. Dessa forma, garante-se uma vedação sonora eficiente.

A escolha do caixilho mais apropriado representa um grande diferencial em um sistema antirruído. O dono do imóvel pode, por exemplo, escolher janelas com persianas de enrolar automatizadas.

As esquadrias de alumínio oferecem alta durabilidade e oferecem desempenho satisfatório em relação à vedação de água e de ar.

As portas e as janelas acústicas

Também é possível investir em janelas e portas acústicas.

As janelas acústicas

Essas janelas têm o alumínio e o vidro já preparados para reduzir os ruídos em até 39 decibéis. Apresentam modelos diversos: a janela acústica giro central, a janela acústica giro lateral, a janela antirruído de correr com persiana integrada e a janela antirruído de correr com duas folhas.

As portas acústicas

As portas acústicas também oferecem diferentes modelos e acabamentos, em linhas que se baseiam nas formas geométricas. Há portas de correr com trilho suspenso ou no piso, portas de giro e outras. Para residências, as mais indicadas são as de alumínio. Já para estúdios e auditórios, as de madeira são satisfatórias.

As portas de alumínio são instaladas em qualquer ambiente, como corredores de acesso e varandas. Para assegurar uma privacidade maior, é possível substituir um dos vidros por um vidro leitoso ou integrar venezianas, ou persianas.

As portas acústicas de madeira são produzidas em camadas maciças com a parte interna preenchida com lã de rocha e manta de chumbo. Vale dizer que as portas e janelas acústicas podem ser aproveitadas em qualquer lugar: residências, empresas, cinemas, teatros, igrejas, estúdios e assim por diante.

O sistema antirruído para auditórios é formado por portas com duas folhas largas que oferecem maior amplitude em lugares com maior circulação de ar. Um bom sistema antirruído é a melhor solução para evitar os ruídos de fora e mesmo ruídos internos dentro do quarto ou na sala de trabalho. Qualquer edificação pode ter seu próprio sistema, conforme suas necessidades.

Deseja instalar portas e janelas acústicas em sua casa? Entre em contato com a Frames Acústica e conheça suas opções!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *